fbpx

O BLOG DO CAMINHONEIRO

Caminhão do caminhoneiro autônomo é 10 anos mais velho, diz pesquisa.

Dados da ANTT mostram que veículo do caminhoneiro autônomo é duas vezes mais velho do que o de transportadoras

Os números do RNTRC – Registro Nacional de Transportador Rodoviário de Cargas – mostram um dado preocupante: o veículo do caminhoneiro autônomo é, em média, 10 anos mais velho do que o de uma transportadora.

O RNTRC é um documento que todo transportador precisa ter para exercer a atividade no Brasil, seja autônomo, empresa de transporte ou cooperativa. Nele, estão registrados todos os dados de todos os caminhões circulando pelas estradas brasileiras e, por isso, os dados são reais e não amostrais, como numa pesquisa simples.

Dentro destes números, o caminhoneiro autônomo representa um total de 38% da frota circulante, com pouco mais de quase 837 mil caminhões. Já as empresas somam 1.343.498 veículos registrados, que somam 62% do total.

caminhoes na estrada velha

Caminhoneiro autônomo: veículos até 10 anos mais velhos

Os números da ANTT mostram que, em média, o caminhão do caminhoneiro autônomo tem idade média de 20,3 anos, enquanto para as empresas de transporte de cargas a idade média dos veículos é a metade: 10,1 anos. Entre as cooperativas, que geralmente agregam veículos próprios dos caminhoneiros autônomos, a idade dos caminhões é de, em média, 14,6 anos.

Os caminhões mais antigos são os chamados Veículos Operacionais de Apoio, como guinchos, sinalizadores de pista, resgate entre outros. Nesta categoria, a idade média chega a 26,7 anos para o caminhoneiro autônomo, 27 para a cooperativa e 19,7 anos entre as empresas de transportes de cargas.

Já os mais novos são as caminhonetes e furgões, com peso bruto de 1,5 a 3,8 toneladas. A idade média destes veículos e varia de 7,9 a 10,9 anos.

O que preocupa, no entanto, é a idade avançada dos caminhões que mais rodam pelo país: o simples, com PBT de 9 a 29 toneladas e o trator. Juntos, eles representam 60% da frota circulante. Nestas categorias os veículos do caminhoneiro autônomo chegam a ter mais do que o dobro da idade dos veículos de empresas. 

E justamente essa parcela da frota que mais se envolve em acidentes, como os que mostramos na matéria anterior. Por isso, é fundamental pensarmos num planejamento de renovação dos caminhões no país.

Veja no infográfico:

Por quê o caminhoneiro autônomo tem o caminhão mais velho?

O caminhoneiro autônomo, no Brasil, geralmente ingressa na profissão por influência de parentes próximos ou amigos. E normalmente começa como motorista, dirigindo o caminhão de outras pessoas ou de empresas.

Segundo dados da CNT, Confederação Nacional dos Transportes, o caminhoneiro autônomo trabalha, em média, 12 anos para conseguir comprar o seu primeiro caminhão. Normalmente são veículos mais antigos, já usados e financiados. Como o caminhoneiro autônomo depende somente da sua renda com fretes, o tempo que ele demora para conseguir trocar o seu veículo é muito maior do que uma empresa, por exemplo.

Algumas razões para a idade avançada da frota de veículos dos caminhoneiros autônomos são: 

  1. Geralmente o caminhoneiro autônomo já compra um veículo usado.
  2. Os prazos de financiamento costumam ser longos, mais de 8 anos para a quitação do caminhão.
  3. O caminhoneiro autônomo trabalha, em média, 12 anos até conseguir comprar o seu próprio veículo.
  4. Cooperativas tem maior volume e constância nos fretes, o que permite ao caminhoneiro trocar de veículo mais cedo.
  5. Empresas conseguem linhas de crédito para renovação de frota que o caminhoneiro autônomo não tem acesso.
  6. Não existe um plano governamental de renovação da frota de caminhões.

Conclusão

Vida corrida, prazos apertados para entregar o frete, ganhos cada vez menores, combustível e manutenção cada vez mais caros. Este cenário se soma aos fatores mencionados acima. Todos estes problemas dificultam muito a troca e a renovação da frota de caminhões pelo caminhoneiro autônomo.

Só de 2019 pra cá, o Governo Federal anunciou três vezes a criação de linhas de crédito específicas para o caminhoneiro autônomo realizar a manutenção preventiva ou a compra de um novo veículo. No entanto, em nenhuma oportunidade essas linhas de crédito saíram do papel.

O maior volume de caminhões nas nossas estradas são, justamente, dos que estão a mais tempo rodando, o que eleva o risco de acidentes.  E você, caminhoneiro, já planejou a troca do seu grandão?

Se você gostou do nosso conteúdo, compartilhe nas suas redes sociais. Você pode conhecer mais sobre a Astran clicando aqui.

E se você também ama caminhão, não deixe de conhecer a nossa campanha Eu Amo Meu Caminhão. Basta clicar aqui.

Compartilhe essa notícia nas suas redes:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram

Quero me associar

scania r440 azul

SINISTRO 24H

Ligue grátis 0800 027 6130

 ou ligue para 4003-6561

Socorro e atendimento de urgência 24h por dia, 7 dias por semana.

ATENDIMENTO

Ligue para 4003-6561

Whatsapp (27) 99910-0328

Atendimento de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h30.

2ª VIA BOLETO

Ligue para 4003-6561

Whatsapp (27) 99910-0328

Atendimento de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h30.

TRABALHE AQUI

Envie seu currículo para o

nosso banco de talentos

Mande seu currículo para o e-mail vagas@grupoastran.com.br

logo astran branca

E-mail: astran@grupoastran.com.br
Endereço: BR 262 – KM 9,5 S/N – Caxias do Sul – Viana – ES – 29136-350
CNPJ: 18.762.919/0001-88
Horário: Segunda—Sexta: 08:00 ás 17:45

FAÇA PARTE DA NOSSA EQUIPE

Preencha e anexe o seu currículo